5 dicas para adquirir franquia. Entenda melhor antes de escolher a sua!

2
204

Esta semana acontece a 26ª edição da ABF EXPO, feira que acontece anualmente e é o evento máximo do franchising brasileiro. Serão mais de 60 mil visitantes formando um grande networking entre franqueados, franqueadores e muitos, muitos brasileiros interessados em adquirir a sua franquia acalentando o sonho de deixar de ser empregado para passar a ser patrão.

Para quem está justamente passando por esta fase, os meus quase 30 anos de vivencia com franquias, redes varejistas e pontos comerciais me qualifica dar algumas dicas importantes para candidatos em adquirir uma franquia precisa entender e saber:

Franquia de serviços ou franquia de revenda de produtos?

Aqui está um item primordial para sua escolha: você deseja trabalhar com gente/pessoas ou produtos/estoque? São negócios completamente diferentes. No primeiro, sua rotina será seguir manuais, ministrar treinamentos, acompanhar indicadores de qualidade de serviço, supervisão de pessoas e turn-over. No segundo, sua rotina será fazer compras, seguir coleções, cores, sabores, grades, prazos de validade, exposição de produtos, vitrine, pagamento de faturas, venda ao consumidor e crédito. Administrar pessoas não é para qualquer um, lembre-se que precisará estar eternamente focado na qualidade do serviço prestado de acordo com os padrões estabelecidos pelo franqueador. Ao mesmo tempo, administrar produtos e estoques com os altos juros e considerando os dias atuais, com consumo em baixa, também não é para qualquer um.

Franquia monomarca ou multimarcas?

Caso opte por franquia de revenda de produtos, é importante saber se o franqueador é fabricante ou se administra um pool de compras com diversos fabricantes terceiros. No primeiro caso, haverá eterna dependência do seu negócio com este fabricante. Se for uma marca consolidada e com uma história de sucesso de muitos anos, melhor. Porém, caso seja uma empresa novata, com produtos ainda em fase de consolidação, cuidado. Você corre o risco deste fabricante não conseguir crescer no mercado e você sucumbir junto com a marca. No segundo caso, a maior dificuldade é que, dependendo do segmento de atuação, as margens de lucro poderão ser insuficientes para dividir entre o fabricante, o franqueado e o franqueador.

Franquia de canal exclusivo ou multicanal?

Item importante: o produto que você revende só existirá no canal franquias ou o consumidor também encontrará os mesmos produtos em outras lojas, talvez ao lado da sua futura loja? Tente entender detalhadamente quais serão os critérios e a questão de exclusividade territorial. Outro ponto polêmico e deve ser discutido amplamente são os critérios para as vendas via internet / mobile. Não tem mais como fechar os olhos para isso. O futuro será cada vez mais de vendas por este canal. Sua franquia física estará resguardada? Quais as políticas adotadas pelo franqueador?

Franquia de produtos importados ou nacionais?

Não dá para ignorar que, num país ainda fechado como Brasil, com oscilação econômicas e políticas a toda hora, podem afetar os humores do mercado e consequentemente nas cotações das moedas estrangeiras. Tente entender qual o percentual das vendas é dependente de produtos/ingredientes de fabricação nacional ou em caso de produtos importados, tente entender qual o nível dos estoques que se tem no Brasil, se as oscilações do dólar refletem imediatamente no preço de compra e venda do produto. Cerque-se de cuidados ao analisar este tipo de franquia.

A franquia necessita de um ponto comercial competitivo ou apenas um imóvel/escritório?

Está aí algo que pode fazer uma grande diferença na rentabilidade do negócio. Hoje, muitas franquias não dependem da sua localização física para funcionarem. Muitas podem ser montadas dentro de casa mesmo, outras dependem de um bom imóvel de bairro, e outras de um simples escritório. São franquias onde o peso do aluguel dentro do composto de custos do negócio é baixo. Porém existe uma categoria de franquias onde a localização depende de uma loja em shopping center ou em centros comerciais de rua. Nestes casos, o processo de escolha da localização da loja pode ser lento e demorado e, em alguns casos, haverá o pagamento de luvas para conseguir os melhores pontos comerciais. Nas ruas de comércio e em shopping centers de 1ª linha isto pode significar um valor até maior do que se investirá na montagem da franquia, além dos custos de ocupação, que costumam ser bem salgados, mesmo em momentos de crise.

São inúmeros quesitos à serem observados na hora de dar este passo importante na sua vida. Uma franquia pode significar um grande salto na sua carreira, inclusive financeira, mas também pode te levar para uma condição de perda total do investimento e, ainda pior, fazer você sair endividado, sem o capital investido e com muitas contas para pagar. Neste caso, você deve se perguntar, em caso negativo, terá algum lastro, para dar um novo rumo à sua vida? Por isso, não se recomenda que você invista 100% do que você tem de capital, estabeleça um limite para esta “aventura”, e deixe o restante investido. Lembre-se que existem inúmeros fatores que podem te levar ao sucesso, como o histórico do franqueador, produto ou serviço inovador, mercado promissor, ausência de concorrentes; mas ao mesmo tempo, avalie que existem outros inúmeros fatores que podem te levar ao fracasso. A sua inexperiência, um ponto comercial ruim, a crise econômica, a concorrência predatória, enfim, lembre-se que apesar de tudo, você vive no Brasil e convenhamos, nosso país não é exatamente um mar de tranquilidade para empreendedores e para pequenos negócios. Boa sorte!

 

Foto: Freepik

2 COMENTÁRIOS

  1. Excelente artigo. A Vilesoft oferece o modelo Home Based com a menor taxa de franquias do Brasil (Revista PEGN/Globo), onde o franqueado pode operar de sua própria casa no seu networking ou o Modelo Office Premium, com três pessoas e um escritório físico, com participação de até 50% da rentabilidade do negócio. Estivemos na ABF Expo Feira e foi um grande sucesso. Abraços
    vilesoft.com 0800 012 5000

  2. Naturalmente, qualquer empreendedor que abrirá uma franquia deve estar entusiasmado com todas as possibilidades de construção de um negócio exitoso… ao mesmo tempo não deixar que o entusiasmo negligencie ou diminua as necessárias análises de avaliações dos efeitos dos potenciais riscos e suas “contra medidas”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Deixe seu comentário
Insira seu seu nome aqui