Giuliana Flores fecha 2017 com alta de 18% no faturamento

0
795

O ano de 2017 foi bastante produtivo para o e-commerce brasileiro, que faturou R$ 59,9 bilhões, um crescimento de 12% em comparação a 2016. Em 2018, o setor segue em ascensão, com previsão de alcance equivalente a R$ 69 bilhões, segundo a Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (ABComm).

A Giuliana Flores, e-commerce de flores e presentes, fechou 2017 com alta de 18% em relação ao ano anterior, com um total de 260 mil pedidos. Para 2018, a expectativa é de crescimento de 20%, totalizando 380 mil pedidos. “Foi um ano muito bom para a empresa, pois surpreendeu positivamente não só no faturamento mas também na satisfação dos nossos clientes. O início da expansão dos estabelecimentos físicos merece ser destacado, inauguramos quatro, sendo uma loja e três quiosques espalhados pelos shoppings de São Paulo”, afirma Clóvis Souza, CEO e fundador da Giuliana Flores.

Segundo Souza, para 2018 a meta é permanecer com a expansão das lojas físicas e levar aos clientes a experiência de poder escolher de perto o presente. A empresa possui 60% de market share, realizando mais de 180 mil entregas por mês, com um tíquete médio atual de R$ 140. O Centro de Distribuição, localizado em São Caetano do Sul, conta com uma área de 2.700 m² e uma infraestrutura capaz de atender 85% das solicitações em até uma hora.

A empresa entrega para todo o Brasil e também para o exterior, não apenas flores, mas também variados artigos, em parceria com grandes empresas como Kopenhagen, Havanna, Amor aos Pedaços, Ofner, Godiva, Lindt, Chandon, Salton, Erdinger, Guinness, Granado, Vyvedas, The Gourmet Tea.

A Giuliana Flores foi criada há mais de 25 anos por Clóvis Souza. Atualmente conta com 280 mil visitantes únicos/mês, compostos por um público pertencente às classes AA, A e B, com idade média entre 25 e 55 anos e atende mais de 5 mil cidades.

*Imagem reprodução

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira o seu comentário
Por favor coloque seu nome aqui