Google adquire tradicional Chelsea Market, em Nova York

0
1571

O Google adquiriu o edifício onde funciona o Chelsea Market, tradicional mercado em Nova York, nos Estados Unidos. O local tem lojas de roupas, produtos naturais e restaurantes. O mercado será mantido, mas os andares superiores serão ocupados por escritórios do gigante de tecnologia. A transação foi de cerca de US$ 2,4 bilhões.

A companhia já tem um escritório do outro lado da rua do mercado e, com a aquisição, ganhará um quarteirão para a nova sede. Parte do prédio já era usada como escritório pelo Google, que alugava uma parte. O restante deverá ser ocupado ainda este ano, com os 7 mil funcionários que a companhia deseja ter em Nova York, seguindo a tendência de outras empresas de tecnologia que escolheram o estado

O mercado continuará funcionando normalmente, o que acalmou moradores da região, que pretendiam protestar caso houvesse planos para o local ser desativado.

A Jamestown divulgou nota alegando que ela e o Google irão “trabalhar juntos para assegurar uma transição suave com pouco ou nenhum impacto para a comunidade e inquilinos do prédio”. A empresa de investimentos imobiliários é a antiga dona do prédio.

*Informações retiradas do jornal O Estado de São Paulo

*Imagem reprodução

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, adicione seu comentário!
Coloque seu usuário aqui