Plataforma permite comprar artigos de luxo no exterior

0
1051

O acesso a produtos de luxo, de marcas como Gucci, Chanel, Louis Vuitton, Prada e Dior aqui no Brasil não é fácil. Além dos altos preços, o próprio mercado de luxo no país anda em apuros, após perder mais de R$ 6 bilhões em faturamento ao longo dos últimos dois anos, segundo informações divulgadas pela consultoria global Euromonitor. Aliado a isso, com o cenário econômico incerto do Brasil, empresas do setor falam inclusive em deixar o país.

Para dar uma alternativa aos consumidores dessas grifes, a Grabr, plataforma de compartilhamento de bagagem, que possibilita o acesso a compra de produtos através de viajantes, torna possível a aquisição de artigos de luxo por meio de alguns cliques, em lojas confiáveis e pagando o preço acessível praticado fora do país.

“A Grabr é uma plataforma que une uma grande comunidade mundial de viajantes internacionais, possibilitando o acesso a produtos através do compartilhamento de bagagem. Os viajantes trazem tais itens no espaço vago de suas malas e, com isso, ganham recompensas”, afirma Michele Chahin, embaixadora da Grabr no Brasil.

São permitidos itens diversos, como acessórios, roupas, objetos de decoração, produtos de beleza e etc. Somente se deve ter atenção e respeitar as leis que indicam os limites de peso, quantidade e tamanho, além das formas de se transportar de forma legal e segura tais itens.

No site da plataforma é possível verificar sugestões de algumas coleções, para facilitar a descoberta do produto desejado. Separadas por temas, há opções de presentes, gastronomia, acessórios, fotografia, games, eletrônicos e também as marcas mais solicitadas pelos usuários.

Quem deseja se inscrever deve acessar o site da empresa, fazer o cadastro e criar o pedido, informando o produto desejado, o valor da recompensa que está disposto a oferecer ao viajante que trará tal produto e dar as informações de entrega, como cidade e bairro. Uma vez criado o pedido, um dos membros participantes entrará em contato para combinar os detalhes da compra e entrega do produto. A plataforma está disponível nos formatos de app e para desktop.

A Grabr está presente em 120 países, incluindo o Brasil. Possui ao redor do mundo mais de 350 mil usuários, entre compradores e viajantes. Foi criada em 2015, em São Francisco, nos EUA, pelos russos Daria Rebenok e Artem Fedyaev. Teve no ano passado um faturamento de cerca de 7 milhões de dólares. No mês de março, recebeu um aporte de US$ 8 milhões da Foundation Capital e agora segue em expansão no mercado brasileiro.

*Imagem reprodução

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira o seu comentário
Por favor coloque seu nome aqui