De volta para casa, o que os participantes levam do maior evento de varejo do mundo?

408
[tempo para leitura: 2 minutos]

O maior evento de varejo do mundo, o NRF Retail’s Big Show, ocorreu entre 17 e 20 de janeiro e para a Delegação GS&MD – Gouvêa de Souza, que levou 180 brasileiros ao evento, em Nova Iorque (EUA), o que marcou foi o compartilhamento para estratégias ante a crise, vindos de que um país que passou por ela.

O grupo brasileiro foi formado por 180 pessoas. Confira o que alguns desses participantes levam de volta aos seus negócios, no Brasil, do que vivenciaram nesses dias de evento:

“O evento serve para insights. A gente sai do modelo tradicional e entra em um modelo de entender o que o consumidor quer. As marcas estão cada vez mais migrando para um caminho que cria experiência dentro da loja”, aponta Caroline Pardo, da Sandoz do Brasil.

Para o diretor de Marketing da Bio Ritmo, Leonardo Cirino, o retorno ao Brasil vem com muitas ideias e ações: “Nos debates promovidos pela Delegação GS&MD – Gouvêa de Souza, todo mundo já começa a organizar as ideias e traçar os planos de ação de, voltando para o Brasil, como que eu pego essa informação e consigo utilizar no meu negócio, no meu dia a dia, aumento minha competitividade e prestando o melhor serviço ao consumidor.”

“O wrap-up é o que dá para nós a conclusão do evento. É a hora que a gente consegue traduzir o que a gente levará ao Brasil”, defende o diretor Comercial da Saphyr, Rafael Nunes.

“Um dos pontos fortes de vir com a Delegação GS&MD – Gouvêa de Souza, é esse networking que temos com pessoas de vários segmentos”, afirma o vice-presidente Comercial e de Operações do Magazine Luiza, Fabricio Garcia.

Já a gerente de TI da Rommanel, Monica Magalhães, o overview do varejo dos EUA é um dos pontos de peso: “A gente consegue ter um mix do que vemos na feira, do que acontece no mercado norte-americano e o que realmente a gente consegue abstrair ou aplicar isso em prática no Brasil.”

“É muita informação que recebemos aqui, que temos que digerir. A gente aprende muito na feira, nos corredores, em todo o evento e sai muito inspirado”, ressalta o CEO da Livraria Cultura, Sérgio Herz.

A presidente do Magazine Luiza, Luiza Helena Trajano, apostou no aprendizado, além da manutenção do relacionamento de negócios que ela exercita na Delegação GS&MD – Gouvêa de Souza: “Trazemos para o Brasil a digitalização, e também considerar o cliente como um canal só e não como diversos canais. Sem falar no elemento novo que temos que cuidar: o millennial.”

Para o presidente da Riachuelo, Flávio Rocha, estar no evento este ano garantiu novas ideias e criatividade, além de soluções inteligentes e novas tecnologias, para um momento pós crise que o Brasil vem lutando para alcançar: “Essa 105ª edição do NRF Big Show foi a mais rica que participei da Delegação GS&MD – Gouvêa de Souza em termos de conteúdo. É um evento pós crise, onde o varejo norte-americano começa a despertar depois de momentos de dificuldades.”

Deixe uma resposta