Aplicativo 99 recebe aporte de R$ 320 milhões, a maior rodada de investimento em startup brasileira

418
[tempo para leitura: < 1 minuto]

O investidor global em apps de mobilidade SoftBank, baseado no Japão, anunciou nesta semana o investimento 100 milhões de dólares na startup – pela cotação atual, o equivalente a 326 milhões de reais

Em janeiro deste ano, a empresa chinesa Didi Chuxing, maior plataforma de transporte por meio de aplicativos do mundo, já havia liderado um aporte de mais de US$ 100 milhões na 99 – antigamente chamado de 99Taxis.

De acordo com André Florence, diretor financeiro da 99, a startup adotou um critério temporal e processual para agrupar o investimento da Didi e do SoftBank em uma mesma rodada. Sob esse critério, o valor total de 200 milhões de reais se torna o maior já visto em aportes a negócios enxutos e inovadores nacionais, de acordo com a multinacional especializada em dados do mercado financeiro FactSet.

Além dessa grande rodada de 2017, a 99 havia conseguido outros dois aportes no ano de 2015. Tais investimentos, de séries A e B, foram liderados por fundos como Tiger Global, Monashees e Qualcomm Ventures, totalizando 40 milhões de dólares aportados naquele ano.

Expansão

Com o aporte, a empresa segue seu plano de expansão. O principal alvo do dinheiro aportado pelo SoftBank irá para a categoria 99POP, feita por motoristas particulares e concorrente de serviços como Cabify e Uber.

O 99POP já está nas cidades do Rio de Janeiro, de Santos e São Paulo – nesta última, representa 55% das corridas que a 99 realiza. Atualmente, a 99 conecta mais de 200 mil motoristas e atinge 14 milhões de usuários, localizados em 400 cidades brasileiras.

Fonte: Exame

Deixe uma resposta