Cesta básica de novembro tem alta de 019%, revela Procon-SP

621
[tempo para leitura: 1 minuto]

Pesquisa da Fundação Procon-SP, órgão vinculado à Secretaria da Justiça e Defesa da Cidadania do Estado de São Paulo, constatou que, em outubro, o valor da cesta básica paulistana teve alta de 0,19%. O levantamento, feito em convênio com o Departamento Intersindical de Estatísticas e Estudos Socioeconômicos (Dieese), revela que o preço médio que no dia 31/10/17 era R$ 653,39 passou para R$ 654,60 em 30/11/17.
Por grupo, foram constatadas as seguintes variações: alimentação, -27%; limpeza, –0,94%; e higiene pessoal, 5,67%. A variação no ano é de -2,46% (base 29/12/2016).

No período de 01/11 a 30/11/2017, os produtos que mais subiram foram:
Papel Higiênico Fino Branco (com 4 unidades) 15,52% Biscoito Recheado (pacote 130/150g) 7,19% Sabão em Barra (unidade) 5,04% Biscoito Água e Sal (pacote 200g) 4,82% Absorvente Aderente (com 10 unidades) 3,57%

As maiores quedas foram:
Batata (kg) -11,94%
Limpador Multiuso (500 ml) -5,92%
Sabão em Pó (kg) -3,75%
Carne de Primeira (kg) -3,23%
Feijão Carioquinha (kg) -3,21%

Dos 39 produtos pesquisados, na variação mensal, 25 aumentaram de preço, 13 apresentaram queda e 01 permaneceu estável.

Deixe uma resposta