Credz passa a emitir cartões com tecnologia de pagamento por aproximação

3294
[tempo para leitura: 1 minuto]

A Credz, administradora de cartão de crédito, iniciou a emissão de cartões Visa com tecnologia de pagamento por aproximação. Os cartões vêm com um símbolo da antena, em alguns casos permitem o pagamento sem a necessidade de senha e têm aceitação internacional. A emissão é feita em parceria com a Visa.

O objetivo é que ao longo dos próximos meses, a tecnologia traga mais inovação e inclusão financeira e digital para os atuais clientes das parcerias Credz. A expectativa é substituir a atual base de cartões (um milhão de cartões com chip) por cartões com tecnologia de pagamento por aproximação até abril de 2019.

Com os novos cartões, os consumidores finais das 48 redes cadastradas da Credz terão acesso a aceitação global, novos canais de compra como e-commerce, benefícios e programas da bandeira Visa (incluindo o Visa Causas e Vai de Visa), pagamentos em aplicativos, autenticação biométrica, dentre outros.

Para o varejista, o cartão de loja fortalece sua marca e proporciona ganho de eficiência no dia-a-dia. Eles poderão ter acesso às plataformas de inovação da Visa com ferramentas para aumentar as vendas, atrair e fidelizar clientes.

“A tecnologia de pagamento por aproximação permite que os estabelecimentos comerciais ofereçam aos seus clientes uma experiência de pagamento conveniente, além de aumento na eficiência operacional e redução nas filas do caixa”, disse Eduardo Abreu, vice-presidente de Novos Negócios da Visa do Brasil. “Investir em inovação e em soluções como essa são um fator de diferenciação importante para a manutenção da competitividade. Ser um early adopter de novas tecnologias ajuda o estabelecimento comercial a continuar relevante no ecossistema”.

A Credz deseja atender um mercado consumidor carente, tanto pelo potencial de crescimento dos meios eletrônicos de pagamento quanto ao permitir acesso ao crédito e a produtos financeiros para um público ainda desassistido.

*Imagem reprodução

Deixe uma resposta