Grandes redes investem em marcas próprias para atrair o consumidor

1911
[tempo para leitura: 2 minutos]

Os consumidores adotaram de forma definitiva as marcas próprias. De olho nesta movimentação, redes como Carrefour e Grupo Pão de Açúcar estão ampliando suas linhas de produtos próprios, por meio de parcerias com a indústria. Allan Gate, diretor de marcas próprias do Carrefour Brasil afirmou: “Anteriormente, o consumidor buscava promoções e preços mais baixos nas marcas próprias. Hoje, no país, o estigma de qualidade inferior desses produtos já foi superado”. A companhia tem quatro marcas de alimentos e bebidas, são elas: Sabor & Qualidade, Viver, Selection e Carrefour.

Wilhelm Kauth, diretor de marcas próprias do GPA, informou que as marcas líderes são mais fortes no Brasil do que em outros países. “No Brasil, são quase uma ‘herança’. Dificultam a expansão das marcas próprias”, disse. O GPA possui cinco marcas no Brasil: Qualitá, Taeq, Club des Sommeliers, Finlandek e Casino.

De acordo com Kauth, os produtos de marcas próprias costumam ser entre 30% a 35% mais baratos que os produtos tradicionais. O Carrefour planeja lançar, apenas este ano, cerca de 450 novos itens. “Dentro do planejamento global do grupo de crescer no segmento, vamos lançar desde itens premium até alimentos de grande penetração nos lares. Hoje, não temos massas de marcas próprias, por exemplo, mas estamos correndo atrás”, explicou Gate.

O Pão de Açúcar deseja lançar aproximadamente 500 novos produtos de marcas próprias este ano. “Temos a missão de lançar uma marca por ano no segmento”, contou Kauth. Para atingir este objetivo, a empresa planeja aumentar a quantidade de parcerias na indústria, passando de entre 150 e 170 para 200. “Nos últimos dois anos, temos notado que os fornecedores, principalmente pequenos e médios, estão mais do que dobrando o faturamento ao investir em novas tecnologias e processos produtivos para atender à demanda das marcas próprias. E nós queremos parceiros de longo prazo para garantir a qualidade dos produtos”, disse.

O Carrefour atua por meio de marcas próprias em cerca de metade das 100 categorias principais de alimentos e bebidas. “Remontamos nosso time na área para desenvolver mais rapidamente esses produtos. Hoje, levamos cerca de seis meses para começar a produzir e entregar ao mercado”, afirmou. Os parceiros do setor são escolhidos de forma cuidadosa, para garantir a qualidade dos itens oferecidos ao consumidor.

“O consumidor sempre busca novidades no supermercado. Mas garantir essa oferta depende tanto de nós quanto dos fornecedores. O ponto crucial nesse projeto é a aliança com a indústria, que é muito importante no processo todo”, falou Kauth.

As principais tendências no setor de marcas próprias são as categorias de alimentos saudáveis e da linha premium. “Do total de lançamentos nas marcas exclusivas para este ano, cerca de 100 serão de produtos com apelo saudável”, informou o diretor do GPA.

Uma das apostas do grupo são os produtos orgânicos, que são muito caros no Brasil.  “O desafio é grande para oferecer itens orgânicos com preço competitivo, mas nós estamos trabalhando para democratizar estes produtos”.

*Imagem reprodução

Deixe uma resposta