Grupo Mateus quer ser 4º maior supermercadista

746
[tempo para leitura: 1 minuto]

O Grupo Mateus  acredita que poderá ser a quarta maior rede do ranking do varejo alimentar no ano que vem. Com receita anual na casa de R$ 7 bilhões, a empresa maranhense desbancaria o Cencosud , hoje com pouco mais de R$ 8 bilhões anuais – segundo dados da pesquisa Maiores Varejistas de SA Varejo. A afirmação foi feita por Ilson Mateus, proprietário da companhia, em coletiva realizada na quinta-feira passada (17/01) e transmitida ao vivo pelas redes sociais. O empresário também disse que a empresa deverá abrir capital até 2022. Hoje, no segmento de varejo alimentar, apenas GPA e Carrefour estão presentes na Bolsa de Valores no Brasil.

Com quase 33 anos e presença no Piauí e Pará, além do Maranhão, o Mateus conta com 15 atacarejos, 20 supermercados, 3 hipermercados, 37 lojas de eletroeletrônicos e 18 de vizinhança. Essas últimas consistem num sistema de franquia que levam a marca El Camiño. Lançada em 2017, os pequenos comerciantes que aderem ao formato têm suas lojas padronizadas e contam com apoio de marketing e suporte de gestão da empresa, por meio do seu braço de atacado Armazém Mateus. Um dos varejistas que aderiram ao modelo é o Carone, também do Maranhão – que tem um homônimo no ES. Depois de pouco mais de um ano, a varejista saiu do vermelho e alcançou, em dezembro último, R$ 450 mil de lucro.

Nos próximos cinco anos, o Mateus espera atingir 350 unidades – considerando todos os formatos. Para Ilson Mateus, expansão é essencial para garantir o futuro da empresa. Sem isso a companhia não ganha escala e não consegue ser competitiva frente aos gigantes do setor. Outra novidade é que, nesta semana, deve ir ao ar o e-commerce da empresa voltado à venda de eletroeletrônicos e de material escolar.

* Imagem reprodução

Deixe uma resposta