Idosos pesquisam e compram online

378
[tempo para leitura: 2 minutos]

Com o crescimento da média de idosos na população brasileira, as empresas começam a olhar para este público. Estima-se que até 2060, a população com mais de 60 anos mais que dobrará de tamanho e atingirá 32,1% do total de habitantes. Isso acontece porque a expectativa de vida do brasileiro alcançou a maior média da história, chegando a 76 anos, de acordo com a projeção do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Este público com mais de 60 anos está conectado. Em 2015, quase metade da população entre 52 e 70 anos dos Estados Unidos passavam pelo menos 11 horas por semana online. Isso acontece com apenas 42% dos Millennials. Entre os “baby boomers”, pesquisar e comprar são a terceira e a quarta atividades online mais importantes (as duas primeiras são notícias e mídias sociais).

Luiz Paulo Ribeiro, diretor de vendas Brasil da VTEX, multinacional brasileira de tecnologia, afirma que o mesmo acontece no Brasil. “É um avanço mundial a inserção das pessoas com mais idade em todas as camadas da sociedade. A convivência e o acesso são iguais para todos, e os paradigmas que deixavam as pessoas com “receio” de compras online com o passar do tempo foi caindo”, afirmou, destacando ainda que “hoje ninguém, independente da faixa etária, vive sem um smartphone na mão”.

De acordo com o executivo, 49% dos idosos têm o hábito de pesquisar produtos na internet e, por consequência, fazer compras. Estas pessoas preferem receber os produtos em casa, mesmo que saia mais caro e assim elevam o valor do ticket médio.

“O idoso não tem mais a mesma ansiedade que os mais jovens, e por isso, a confiança e a experiência (com menos passos para finalizar) a compra, atenção (customer success) e entrega são as chaves para manter esse perfil de cliente sempre ativo”, disse Ribeiro.

A fim de atrair este público, muitas empresas apostam no e-commerce. Um exemplo é a SCA, empresa de fraldas geriátricas que criou uma estratégia digital  para que os pedidos sejam realizados online, sem necessidade de irem a uma loja física.

“É importante destacar que para empresas que querem atrair esse público para o Online é essencial uma boa área de atendimento, com agilidade e transparência para tirar dúvidas. Cadastro de produtos otimizado, com informações necessárias para a compra, e também todos os modelos de comunicação para atualizar o status do pedido, sendo e-mails e sms informando todo o andamento até a entrega”, esclareceu.

Deixe uma resposta