Delegação da GS&MD Gouvêa de Souza faz imersão no varejo chinês

159
[tempo para leitura: 2 minutos]

A GS&MD Gouvêa de Souza iniciou, na última segunda-feira (8), uma viagem de imersão à China com uma delegação exclusiva de executivos de varejo. O objetivo da visita é conhecer os principais exemplos do varejo local, além de compreender o modelo de negócios aplicado naquele país. A quantidade de investimentos chineses no Brasil e de empresas brasileiras na China vem crescendo muito e a importância global do país está se destacando.

A delegação permanecerá no país até 19 de abril e passará por cidades como Pequim, Hangzhou, Xangai, Shenzhen e Hong Kong. “Todos os números e indicadores que envolvem as transformações recentes na China são realmente impressionantes e justificam tudo que se possa buscar de referências para conhecer e poder gerar mais inspirações”, afirmou Marcos Gouvêa de Souza, fundador e diretor-geral do Grupo GS& Gouvêa de Souza, em seu artigo “China – O mercado nunca mais será o mesmo”.

O grupo irá visitar empresas de destaque, como a gigante Alibaba, que atua em diversos setores, mas principalmente em e-commerce, varejo, internet, inteligência artificial, tecnologia e meios de pagamento eletrônico; a companhia de tecnologia Tencent, que atua no Brasil por meio da área de games; a Didi, maior empresa de transporte via aplicativo da China, que adquiriu a 99 no Brasil, entre outras.

A programação inclui também visitas a operações de varejo, como a loja da Starbucks Reserve China, unidade da rede de cafeterias Starbucks com um conceito diferenciado. O local atende 8 mil clientes por dia, chegando a 16 mil nos finais de semana. Foca em uma experiência exclusiva, que estimula o cliente a passar algum tempo no local, conhecendo e se aprofundando no universo do café, conversando com os baristas da loja.

Entre os diferenciais da unidade com 2.400 m2 estão a troca do sortimento do bar principal conforme a hora do dia; as várias máquinas com filtros de porcelana brancos, que contam com uma programação específica para cada tipo de café; a preparação do café através das infusões, com nove tipos diferentes, preparados em “shows” feitos em horários específicos; os locais de armazenagem do café que ficam no bar e são conectados diretamente ao tostador por tubos. O café é tão cultuado no espaço que quando os grãos chegam, todos os baristas batem palmas e comemoram como um ritual.

Confira o recado de Eduardo Yamashita, COO do Grupo GS& Gouvêa de Souza, que está na China acompanhado todas as novidades:

 

Deixe uma resposta