Com nova emissão de ações, The Real Real pode virar unicórnio

331
[tempo para leitura: < 1 minuto]

A varejista de consignação de peças de luxo The Real Real autorizou a emissão de ações para conquistar um investimento de US$ 70 milhões, de acordo com a Prime Unicorn Index. Caso as ações sejam todas emitidas, a empresa passaria a ser avaliada em US$ 1,06 bilhão, ou seja, alcançaria o status de unicórnio (startup com uma avaliação de, no mínimo, US$ 1 bilhão em valor de mercado).

A mais recente avaliação da The Real Real estimou o valor de mercado da empresa em US$ 753 milhões, após conseguir um financiamento Série G (oitava série de levantamento de fundos de uma startup) de US$ 115 milhões em julho do ano passado. O valor atual de cada ação da empresa é de US$ 6,87, valor acima dos US$ 5,29 que valiam durante a rodada de financiamento da Série G.

Dos US$ 115 milhões que a The Real Real arrecadou no ano passado, a maior parte veio da PWP Growth Equity, o grupo de private equity de mercado médio da Perella Weinberg Partners, e contou com a participação adicional da Sandbridge Capital e da Great Hill Partners.

Julie Wainwright, fundadora e CEO da The Real Real, afirmou que o financiamento ajudará a empresa a expandir suas lojas físicas e seu e-commerce. “Nos últimos sete anos, voltamos a imaginar a experiência de compra e venda de artigos de luxo e nos tornamos líderes na economia circular de artigos de luxo”, disse ela em comunicado.

A empresa também iniciou em janeiro discussões com bancos de investimento sobre a abertura de uma oferta pública inicial no final deste ano. E com o potencial para uma avaliação de US$ 1 bilhão, a empresa se posiciona ainda mais para alcançar essa meta.

*Imagem reprodução

Deixe uma resposta