Mercado Pago faz parceria com redes de alimentação e farmácia

745
[tempo para leitura: 2 minutos]

O Mercado Pago, fintech do Mercado Livre, anunciou uma parceria com cinco redes de alimentação e farmácia para uso do QR code para pagamento. Essa é mais uma investida da empresa para sair do online e conquistar o mercado físico.

As farmácias Droga Raia e Drogasil e as redes de alimentação Spoleto, Rei do Mate, Nutty Bavarian, Café do Ponto e Casa Pilão são as marcas que, a partir de agora, oferecerão o Mercado Pago como forma de pagamento nas lojas.

Segundo a fintech, a implementação do método de pagamento nas unidades físicas começa pela Grande São Paulo e, no total, a plataforma deve receber três mil novos estabelecimentos credenciados até o final de junho de 2019.

Os consumidores terão acesso a benefícios financeiros ao realizar compras nos estabelecimentos parceiros. Para os lojistas, o Mercado Pago não cobrará taxa pelas transações até o final deste ano.

“Estamos expandindo a operação com QR Code e a integração com grandes varejistas para melhorar a experiência de compra e venda no ambiente físico. Com uma proposta de valor atraente para o consumidor e para o comerciante, avançamos para um mercado mais democrático para todos”, afirmou Tulio Oliveira, vice-presidente de Mercado Pago no Brasil.

As farmácias Droga Raia e Drogasil e as redes de alimentação Spoleto, Rei do Mate, Nutty Bavarian, Café do Ponto e Casa Pilão são as marcas que, a partir de agora, oferecerão o Mercado Pago como forma de pagamento nas lojas.

Segundo a fintech, a implementação do método de pagamento nas unidades físicas começa pela Grande São Paulo e, no total, a plataforma deve receber três mil novos estabelecimentos credenciados até o final de junho de 2019.

Os consumidores terão acesso a benefícios financeiros ao realizar compras nos estabelecimentos parceiros. Para os lojistas, o Mercado Pago não cobrará taxa pelas transações até o final deste ano.

“Estamos expandindo a operação com QR Code e a integração com grandes varejistas para melhorar a experiência de compra e venda no ambiente físico. Com uma proposta de valor atraente para o consumidor e para o comerciante, avançamos para um mercado mais democrático para todos”, afirmou Tulio Oliveira, vice-presidente de Mercado Pago no Brasil.

*Imagem reprodução

Deixe uma resposta