Amazon encerra serviço de delivery de restaurantes nos EUA

172
[tempo para leitura: < 1 minuto]

A Amazon informou que irá encerrar o serviço de entrega de restaurante dos EUA, uma empresa de 4 anos que não conseguiu decolar em meio à concorrência feroz do Uber Eats, DoorDash e outros.

O serviço, chamado Amazon Restaurants, realizou entrega em mais de 20 cidades nos EUA. Ele se expandiu para o Reino Unido, mas a Amazon fechou naquele país no final do ano passado. O fechamento dos negócios nos EUA acontecerá no dia 24 de junho.

Ainda assim, a Amazon.com Inc. demonstrou interesse em fornecer refeições para lanchonetes. No mês passado, comprou uma participação na empresa de entrega de comida britânica Deliveroo, cujo logotipo canguru é uma visão comum em bicicletas e scooters na Grã-Bretanha.

A Amazon Restaurants era um pequeno player nos EUA, ocupando cerca de 2% do mercado, segundo Jeremy Scott, analista de alimentos e restaurantes do Banco Mizuho.

Ele disse que a Amazon não promoveu o serviço de entrega o suficiente e não teve acordos com grandes cadeias de fast food. O Uber Eats, por exemplo, entrega Big Macs do McDonalds; o  DoorDash tem uma parceria com a rede Wendy’s; e o Grubhub oferece chalupas e baldes de frango frito do KFC.

Com a Amazon fora dos negócios, os analistas disseram que outros podem crescer. Mas Scott acha que a Amazon não está abandonando completamente o negócio. “O fechamento da plataforma não significa necessariamente que a Amazon não vai investir no segmento”, disse ele.

*Imagem reprodução

Deixe uma resposta