Rent the Runway instala caixas de coleta em lojas da Nordstrom

272
[tempo para leitura: 2 minutos]

A empresa de locação de roupas por assinaturas Rent the Runway está instalando caixas de coleta em quatro lojas da varejista Nordstrom em Los Angeles.

A iniciativa marca a segunda parceria da Rent the Runway para expandir seu alcance depois de começar a colocar caixas de coleta em coworkings da WeWork no último outono. E para a cadeia de lojas de departamentos Nordstrom, ela adiciona um benefício para ajudar a atrair compradores para suas lojas.

As caixas suspensas estarão em três das pequenas lojas de vizinhança da Nordstrom, conhecidos como Nordstrom Local: na Melrose Avenue, no bairro de Brentwood e no centro da cidade. Haverá também uma caixa coletora na unidade convencional de linha completa da Nordstrom no The Grove em Los Angeles.

A Rent the Runway diz que é provável que a empresa expanda sua parceria com a Nordstrom para além da Califórnia, depois que a distribuição inicial estiver concluída. A companhia disse que Los Angeles é seu quarto maior mercado.

Atrair novos assinantes por meio da implantação de mais espaços onde os usuários podem deixar roupas alugadas está ajudando a Rent the Runway a crescer, disse Maureen Sullivan, diretor de operações da companhia.

“Nós não estaríamos fazendo isso a menos que pensássemos que tínhamos potencial para escalar”, disse Sullivan, para que a empresa possa “realmente entender o que [nossos] clientes desejam”.

Desde o lançamento da coleta nos escritórios da WeWork, por exemplo, a empresa disse que viu um aumento de 180% no número de retornos dos clientes, o que significa que as pessoas estão trocando roupas e acessórios com mais frequência.

Os compradores da Runway normalmente retornam itens por meio de uma caixa no correio, o que diminui o tempo de retorno para fazer novos pedidos nos planos de assinatura mensal da empresa. Isso pode levar dias. Os clientes podem optar entre pagar US$ 159 e alugar um número ilimitado de roupas por mês, com quatro estilos diferentes ao mesmo tempo, ou alugar apenas quatro peças por mês a US$ 89. Além disso, os clientes sempre têm a opção de comprar com descontos os itens que realmente gostam.

“Nossa filosofia é que só vamos fazer coisas que sejam convenientes”, disse Sullivan. A Rent the Runway está indo para onde “nossos clientes compram ou passam tempo”, disse ela.

A Rent the Runway tem apenas cinco lojas de tijolo e argamassa hoje: uma em Nova York, perto da Union Square, que tem cerca de 4.000 pés quadrados, cerca de 372 m2, e outra recém-inaugurada em São Francisco, que tem o dobro desse tamanho. Esta última tem um café, vestiários extras e mais espaço para eventos noturnos com influenciadores de moda e design. Também possui lojas em Los Angeles, Washington, DC e Chicago.

Enquanto tenta expandir, a Rent the Runway recentemente começou a oferecer itens na categoria de artigos para casa por meio de uma parceria com a varejista de móveis West Elm. E em março, a empresa anunciou que havia arrecadado US$ 125 milhões em sua última rodada de captação de recursos, elevando sua avaliação para o nível de US$ 1 bilhão, tornando-se um unicórnio.

“Acreditamos que os clientes da Rent the Runway e da Nordstrom compartilham muitas das mesmas qualidades”, disse Shea Jensen, vice-presidente sênior de experiência do cliente da Nordstrom. “Os clientes nos disseram que a conveniência é importante para eles.”

*Imagem reprodução

Deixe uma resposta