H&M cria coleção a partir de buscas dos clientes do e-commerce

421
[tempo para leitura: 1 minuto]

A varejista de fast fashion H&M lançou uma coleção criada a partir das pesquisas realizadas pelos consumidores em seu e-commerce. Os dados da trajetória de navegação dos usuários foram obtidos através dos cookies de usuários da cidade de Berlim. A coleção estará à venda somente em oito lojas na cidade alemã.

A companhia pesquisou apenas informações específicas sobre as cores, estampas e tecidos que têm maior preferência entre seus clientes. Isso permite ver a possibilidade de produzir sob demanda, criando linhas em maior coesão com o perfil dos seus consumidores, de acordo com sua localização. Outra vantagem do método é a redução de custos, já que são reduzidos os riscos de produzir e armazenar produtos em excesso, além do transporte desnecessário, ajudando a diminuir os impactos ambientais.

Heléne Riihonen, criadora do projeto na empresa, afirmou que “com essa coleção, queremos ser verdadeiramente centrados no cliente e oferecer aos nossos consumidores de Berlim uma linha hiper local e hiper relevante”.

A Nike já utiliza big data para criar produtos, anunciando planos de adaptar todo o seu portfólio aos dados obtidos em cada cidade onde atua.

*Imagem reprodução

Deixe uma resposta