Shoppings têm alta de 10,5% nas vendas em outubro

716
[tempo para leitura: 2 minutos]

Os shopping centers vêm apresentando desempenho positivo neste ano. Em outubro, o setor teve o segundo maior crescimento de vendas do ano, com alta de 10,5%, de acordo com o Índice Cielo de Varejo em Shopping Centers (ICVS-Abrasce).  O resultado é o mesmo alcançado em julho, ficando atrás apenas do desempenho de fevereiro, mês em que o crescimento foi de 11,7%.

“Os números mostram que, de fato, o varejo brasileiro está em recuperação e os shopping centers estão performando melhor que as lojas de rua, abrindo caminho para um 2020 mais promissor, o que também pode trazer a aceleração do processo de expansão do varejo brasileiro”, disse Luiz Alberto Marinho, sócio-diretor da GS&Malls.

“O consumo das famílias, que se mantém crescente, apresentou alta de 0,8% no terceiro trimestre e o acumulado alcançou 1,9%, segundo dados do IBGE. A liberação do saque do FGTS, os baixos índices de inflação, com impacto positivo no poder de compra das famílias, e a expansão do crédito contribuíram para esse resultado, colocando o setor em lugar de destaque diante do cenário econômico atual”, disse Glauco Humai, presidente da Abrasce.

As regiões que mais se destacaram no mês, com crescimento das vendas acima da média nacional, foram o Norte e o Nordeste, com altas de 13,5% e 13,2%, respectivamente. As demais regiões também tiveram uma performance positiva: Centro-Oeste, com 9,9%; Sul, com 9,2%; e Sudeste, com 8,6%.

O ticket médio nas lojas dos shoppings também teve destaque positivo, fechando em R$ 92, valor 33% maior do que o desempenho das lojas de rua, que fecharam o mês em R$ 68,90. “Durante o Dia das Crianças, tivemos um aumento de 9,9% nas vendas. É uma data muito importante para o setor, que, junto da Black Friday e Natal, aquece as vendas e movimenta o último trimestre do ano”, explicou Humai.

* Imagem reprodução

Deixe uma resposta