McDonald’s vai focar sua operação no delivery por conta do coronavírus

106
mcdonald's muda seu m
[tempo para leitura: 2 minutos]

O McDonald’s fechará os salões de todos os seus restaurantes no Brasil a partir desta segunda-feira, 23 de março, e operará principalmente por delivery e drive-thru. A diretoria brasileira da marca ressalta sua “responsabilidade” neste momento de pandemia do novo coronavírus.

Além disso, para mostrar seu compromisso com o distanciamento social proposto pelas autoridades, a empresa afastou até os arcos dourados de seu “M” no logo.

“Mesmo compreendendo que fornecemos um serviço essencial, afinal as pessoas precisam continuar se alimentando, esse é o momento de pensar na proteção dos nossos funcionários, clientes e comunidade, e ter uma visão de longo prazo para o nosso negócio”, disse Paulo Camargo, presidente da Divisão da Brasil.

O famoso “M” do McDonald’s, símbolo reconhecido no mundo inteiro, passará por uma pequena e simbólica mudança no Brasil nesta época de pandemia: os arcos dourados serão afastados, como um lembrete sobre a importância do distanciamento social na contenção do novo coronavírus e da doença covid-19. Afinal, especialistas pedem que as pessoas permaneçam em suas casas sempre que possível para evitar contaminação.

“Acreditamos que, juntos e com responsabilidade, o país será capaz de superar esse momento. Aproveito aqui para reconhecer publicamente o esforço que nossos times estão fazendo para continuar servindo ao nosso cliente”, ressaltou Paulo Camargo.

Em contato com a reportagem, a Arcos Dorados explicou que não há previsão para que as portas dos salões sejam reabertas, e a situação será reavaliada diariamente. Neste período, além de delivery e drive-thru, algumas unidades aceitarão pedidos para viagem — como no caso de praças de alimentação que continuarem funcionando em shoppings. Ou seja, o cliente faria seu pedido no balcão, pegaria o pacote e seguiria para seu destino.

Vale lembrar que, ontem, o governador de São Paulo, João Doria (PSDB-SP), recomendou que os shoppings e academias da região metropolitana de São Paulo sejam fechados entre os dias 23 de março e 30 de abril por razões sanitárias e proteção dos funcionários. Porém, os estados do Brasil têm tomado medidas diferentes; se autoridades determinarem o fechamento total dos serviços de delivery e drive-thru, por exemplo, o McDonald’s atenderá às decisões locais.

Serviços de delivery como iFood, Uber Eats e Rappi têm permitido que as pessoas recebam os pedidos “sem contato físico”; basta realizar o pagamento pelo aplicativo e solicitar que o entregador deixe o pacote na porta, de modo que cliente e trabalhador estejam seguros. O McDonald’s trabalha em parceria com estes três principais operadores de entrega do país e pediu que tais medidas de segurança sejam reforçadas.

A própria Arcos Dorados também tem cuidado de seus critérios de higiene e limpeza, e, agora, oferece aos donos de micro e pequenos restaurantes do Brasil um curso gratuito e online sobre tais práticas. Estes empresários poderão aprender com as determinações seguidas pelo McDonald’s. As inscrições serão abertas na semana que vem, segundo a diretoria.

* Imagem reprodução

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, adicione seu comentário!
Coloque seu usuário aqui