Cenários dinâmicos no foodservice pós-COVID19

4077
Foodservice coronavírus
[tempo para leitura: 3 minutos]

A reabertura dos negócios é um tema fundamental e angustiante. Especificamente no foodservice existe uma grande preocupação entre os donos, investidores, franqueadores e gestores de negócios de alimentação fora do lar no Brasil, sobre como será o comportamento dos consumidores após a reabertura das operações, muita especulação, muito “eu acho”, mas já temos alguns paralelos a considerar e o principal deles é a China. Dia 24 de março foi liberado o isolamento social no país, e hoje 95% das unidades da Starbucks estão reabertas por lá*.

A empresa não divulga oficialmente, mas apuramos que o fluxo em lojas foi restabelecido em apenas 60%. Utilizamos a rede como uma referência pela capilaridade no país, o que nos permite simular ilustrativamente o que pode acontecer no Brasil.

grafico 1

O objetivo é demonstrar que a “pizza” da gestão de recaptura do faturamento terá uma nova composição, será dinâmica e exigirá muita gestão. Não estamos falando aqui da inevitável queda do faturamento, mas do dinamismo na recomposição deste.

Algumas ações essencialmente simples em termos de mix de produtos podem ser priorizadas:

  • Manutenção dos itens da curva A de vendas pré-isolamento, porque funcionarão como iscas/atrativos para os clientes irem às lojas, grande parte atraída por razões afetivas;
  • Área dedicada ao “para viagem”, reduzindo a atrito no momento da retirada dos produtos;
  • Redesenho de oferta simplificada para delivery;
  • Composição de oferta “primeiro preço” para assegurar acesso digno aos clientes abatidos pela depressão (mimetizar estratégia praticada pelos americanos em 2010);
  • Enxugamento do mix de produtos para tornar o serviço mais ágil para quem estiver na loja e mais simples de ser executado por equipes, provavelmente, reduzidas;
  • Promoções e Combos;
  • Digitalização dos menus para que o cliente possa pedir pelos seus devices sem necessitar manuseio de cardápio físico.

O grande inimigo na retomada do consumo em loja será o medo. Mas o fato é que o consumidor, por falta de informação, desconhecia todos os cuidados aplicados a partir das Boas Práticas de Manipulação dos Alimentos. Quando aplicados em sua plenitude evitam a contaminação pelo vírus da Hepatite A, bactérias como Salmonella, Escherichia coli, Bacillus Cereus, Clostridium botulinum, Vermes Parasitas, dentre outros. Todos eles podem gerar intoxicações e alguns até a morte. Ou seja, amadores serão finalmente banidos do mercado de foodservice, pois, os consumidores serão agentes fiscalizadores.

O coronavírus não é transmitido por alimentos, mas por gotículas de saliva, espirros, acessos de tosse, contato próximo e superfícies contaminadas, ou seja, o alimento pode ser posteriormente contaminado ao seu preparo ou ser consumido em ambiente contaminado. Então o esforço passa a ser para proteger os alimentos e manter o ambiente essencialmente higienizado, o que também não é novo. Tudo isso já consta no Manual de Boas Práticas de Manipulação dos Alimentos de todo e qualquer estabelecimento, o que deve crescer é a visibilidade e o rigor.

Muitos de nós entramos nessa crise achando que era uma corrida rasa (400 m) ou de meio fundo (800 a 1.500 m) mas, sem sombra de dúvida, é uma corrida de longa distância. Já passamos da marca da meia maratona e nos encaminhamos para a maratona (42 km). Quando perguntamos para um atleta novo como é correr uma maratona ele diz: “Se eu consegui completar essa prova eu consigo fazer qualquer coisa nessa vida.”

Então… sinta-se como um maratonista em sua primeira corrida, sinta-se invencível! Sairemos mais fortes disso tudo.

Conte conosco!

*fonte: https://www.fool.com/investing/2020/04/18/starbucks-groundwork-reopening-after-coronavirus.aspx

NOTA: a GS&Libbra é uma consultoria especializada no mercado de foodservice. Apoiamos sua empresa a construir estratégias para ampliar os resultados do negócio. Utilizamos técnicas e metodologias híbridas e ágeis para entregar inovação com profundidade e assertividade.

Seguimos nesse período de crise com atendimento pelas plataformas de conexão virtual: alimentando o mercado com informações, apoiando nossos clientes a buscarem alternativas, realizando reuniões, entregas de projetos, workshops, pesquisas, planejamento e treinamentos. Se precisar de algo, nos avise! Whatsapp 11.97684 0701.

Acompanhe a GS&Libbra no site e mídias sociais: www.gslibbra.com.br | linkedin | facebook | instagram #gslibbra #conhecimentocompartilhado #foodservice #alimentacaoforadolar #consultoriafoodservice #transformacaofoodservice #foodservicecovid19

* Imagem reprodução

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, adicione seu comentário!
Coloque seu usuário aqui